Veja como reformar sua casa pensando no seu Pet

Veja como reformar sua casa pensando no seu Pet

É impossível ter um Pet em casa e não amá-lo. Considerado um membro da família, você também precisa pensar no seu animalzinho quando for executar um projeto de reforma no imóvel. A alegria, o carinho e o companheirismo que os Pets proporcionam aos seus donos é algo que emociona e cativa, não é mesmo? Então, nada mais justo do que dar uma cara nova ao espaço destinado ao seu Pet.

Mas, reformar o lugar dele não é apenas dar uma mãozinha de tinta na casinha do cachorro ou aumentar o tamanho da caixa de areia do gato, mas pensar em uma melhora o ambiente para que seja capaz de aumentar a qualidade de vida desses amiguinhos.

Existem inúmeras ideias para deixar o lugar do seu Pet mais interessante. Por isso, acompanhe abaixo as dicas que os arquitetos separaram para que você possa ter inspiração.

Casa com Pet é casa bagunçada?

casa de cachorro embaixo da escada

Na verdade, toda a “bagunça” nada mais é do que sinônimo de alegria e diversão do seu animalzinho de estimação e uma casa com Pet pode ser muito bem organizada, limpa e atraente.

O mercado oferece várias opções de decoração e reforma pensando neles. Se você gosta de gatos, por exemplo, já deve ter visto as belas passarelas suspensas, criadas especialmente para eles.

O que não devo ter em casa se desejo dar conforto ao meu Pet?

plantas proibidas para cachorros e gatos

Existem algumas coisas que devem ser evitadas nas reformas e decoração da casa. Separamos alguns exemplos:

  • Piso: carpete é uma péssima ideia, pois acumula sujeira e pelos que serão difíceis de remover. Pisos de madeira podem ser arranhados, enquanto granito e mármore são muito porosos e aquele xixizinho talvez não seja removido. Melhor optar por cerâmica ou cimento queimado;

  • Plantas tóxicas: embora sejam bonitas, algumas plantas possuem substâncias tóxicas que podem fazer mal ao seu Pet se forem ingeridas acidentalmente;

  • Objetos de decoração que fiquem no chão podem ser alvo das brincadeiras do seu Pet;

  • Portas de vidro: alguns Pets não entendem que a porta está fechada e podem se machucar na tentativa de passar;

  • Produtos de limpeza: mantenha-os em locais fechados, porque os Pets são curiosos e podem sofrer intoxicações em caso de contato com os produtos de limpeza.

Se for reformar ou fazer pequenas alterações na decoração, não esqueça do seu Pet. Vamos te ajudar!

Dicas de reformas pensando nos Pets

prateleiras para gatos

Como os cães e os gatos são os Pets mais queridos pelas famílias, vamos focar as dicas neles, está bem? Primeiro os cachorros!

  • Pense nos hábitos do seu cãozinho: se ele é daqueles que adoram passar a maior parte do tempo correndo, proporcione mais espaço! Se dorme bastante, construa um espaço tranquilo, arejado e confortável;

  • Construa um espaço só dele: dedique um espaço da casa só para o seu cachorro e coloque tudo o que gosta;

  • Organize os espaços de alimentação e necessidades: organize-os de forma que fiquem em lugares distintos e com uma distância razoável entre ambos.

No geral, os cachorros têm personalidade bem diferente dos gatos. São mais carinhosos, mais dependentes e emotivos e um sinal é a alegria que ficam quando voltamos para casa.

Agora, vamos falar dos gatos:

  • Gostam de dormir e escalar: fixe plataformas de madeiras no alto das paredes e coloque a caminha do seu gatinho;

  • Caixinha de areia: o seu gatinho, assim como todos os outros, é um animal muito limpo. Troque a areia sempre que necessário.

Gatos são muito independentes e não muito exigentes quanto à sua atenção, exceto quando querem alguma coisa. Então, quando for reformar ou dar uma cara nova à sua casa não se esqueça do lugar para o Pet. Afinal de contas, eles merecem, não é?

Precisa de ajuda? Conte com os profissionais da Master House!

Avalie este conteúdo:
Veja como reformar sua casa pensando no seu Pet
Avalie esse serviço!