Tipos de plantas para ter em casa

Tipos de plantas para ter em casa

O cultivo de plantas em casa é uma tarefa muito prazerosa e que pode ser um estimulante contra o estresse. Sem encontrarmos tantos espaços assim em nossas cidades, e com os lares se verticalizando, fica cada vez mais complicado começar um cultivo de plantas em casa.

Ter plantas dentro de casa é a forma mais prática de trazer vida e energia aos ambientes. O nosso clima tropical permite que cultivemos uma infinidade de espécies, ainda assim, critérios como luminosidade, vento e periodicidade das regas são sempre determinantes para que elas cresçam e floresçam.

Para te ajudar a escolher o melhor para sua casa, os especialistas em paisagismo da Master House prepararam algumas dicas essenciais para ter um pouco mais de verde no seu imóvel.

O cultivo interno

plantas ornamentais

Antes de mais nada é bom ressaltar as plantas possuem características diferentes umas das outras e, portanto, os cuidados dependerão do tipo de planta que você deseja cultivar.

É interessante estabelecer que produtos industrializados, como o isopor, também são utilizados na composição de substratos para o cultivo de plantas.

Substratos feitos com base na decomposição de lixo residencial, incluindo papeis de vários tipos, são muito utilizados para adubar jardins e vasos de plantas.

Os mais comuns, são:

  • Húmus de minhoca;
  • Serragem;
  • Areia;
  • Isopor.

Área com luminosidade

De acordo com suas espécies, as plantas podem ou não necessitar de exposição ao sol. Existem até aquelas que não se dão muito bem com os raios solares.

Plantas que têm sua origem em florestas muito densas, por exemplo, quase não recebem ou nunca recebem a incidência de raios solares de forma direta. E boa parte delas são ideais para o cultivo em interiores.

Hoje em dia ter plantas em casa é uma possibilidade que, além de ornamentar o seu ambiente, lhe dará uma das atividades mais prazerosas que podem existir.

Opções de plantas

sacada com jardim

As plantas para interiores possuem algumas características em comum, que facilitam o seu cultivo em áreas internas: não precisam de cuidados extremos e nem de muita água.

Orquídeas: estão no topo da lista das plantas para interiores, pois não necessitam de muitos cuidados.

Begônia: uma belíssima planta ornamental com flores em diversas cores. Nossa recomendação é protege-la de incidência de raios solares, do frio e do vento.

Antúrio: uma das mais utilizadas em decoração de ambientes, já que se adapta tanto em jarros, quanto em jardins. Fique atento: não gosta de sol direto e nem do escuro.

Bromélia: perfeitamente adaptada ao cultivo em ambientes internos, é decorativa e precisa de bastante iluminação, mas não pode ser exposta ao sol. Para os dias em que o calor está terrível, melhor borrifa-la um pouco e umedecer o seu substrato.

Samambaia: clássica das clássicas! Possui folhas longas que se esparramam por suas touceiras. Deve ser cultivada em vasos ou cestas suspensas, com pouca água. Um detalhe: gosta de meia sombra, mas não suporta ventos fortes, pois ressecam suas folhas.

Lírio: planta belíssima e extremamente decorativa, que gosta de sombra e boa adubação. Mantenha o seu solo sempre úmido, mas não exagere, porque você a verá florescer majestosamente.

Solicite um orçamento

Cultivar um espaço verde em casa é uma forma de estar em contato constante com a natureza, atraindo boas energias e contribuindo para a preservação das espécies.

Solicite agora mesmo um orçamento de um paisagista da Master House para deixar a sua casa incrível.

Avalie este conteúdo:
Tipos de plantas para ter em casa
Avalie esse serviço!