Como se preparar para entrar na reforma

Como se preparar para entrar na reforma

Reformar um imóvel é uma das coisas mais desgastantes e provoca desconforto e arrepios só de pensar. Profissionais desqualificados e custos elevados com os materiais são os principais motivos que provocam dores de cabeça durante uma reforma mesmo quando são processos simples, como uma pintura ou troca de revestimento.

Embora alguns processos de uma reforma sejam complexos, o resultado esperado muitas vezes compensa todo o estresse. Acima de tudo, o importante é se preparar para a reforma e planejar tudo com o máximo de atenção para evitar uma série de problemas extras, como manutenção em desacordo com as normas do condomínio ou legislação municipal nos casos de imóveis fora de condomínios.

Mas, quando saber que está na hora de fazer alterações na decoração ou até mesmo uma manutenção sem custos elevados e evitar dores de cabeça com obras inacabadas? Para te ajudar, confira algumas dicas que os profissionais da Master House selecionaram abaixo.

Quando devo pensar em redecorar a casa?

reforma de apartamento

Um bom termômetro que você pode utilizar para saber a hora de dar uma cara nova à sua casa é o nível de satisfação com a atual decoração. Se ao chegar em casa você se sentir feliz com o que vê é um sinal de que as coisas estão bem ajustadas. Mas, se algo lhe incomoda ou percebe que pode melhorar, pode ser a hora de reformar o imóvel.

Preciso sair de casa para qualquer reforma?

reforma residencial

Sair de casa nem sempre é preciso na hora de reformar. Se você possui filhos pequenos, recomendamos sair por alguns dias para que não sofram com excesso de poeira provocado pelo quebra-quebra. Contudo, se for uma reforma mais simples, não há problema em permanecer na residência. Pinturas, rebocos ou acabamento produzem muitos resíduos e sujeira. Em alguns casos, aquele pó, resultado de lixamentos em paredes e portas, por exemplo, se espalham em todos os ambientes.

Preciso contratar profissionais para as minhas reformas e decoração?

pedreiro confiável

Com tantas normas regulamentadoras da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) – responsáveis em normatizar as atividades que envolvem reformas e manutenções prediais – é interessante contratar um especialista para executar o projeto de reforma da sua casa. Saiba mais sobre as normas que regem o mercado da construção civil.

Cuidados antes de fazer reformas residenciais

como medir paredes

Mesmo nas reformas residenciais realizadas em áreas não condominiais, você precisa evitar situações de conflito com vizinhos ou até mesmo com os órgãos que fazem as fiscalizações. Por isso, relacionamos algumas regras básicas que você precisa seguir na hora de reformar:

  • Projeto estrutural e licença de órgãos competentes: melhor consultar a legislação vigente da sua cidade;

  • Container para descarte de entulho: não descarte o entulho em qualquer lugar;

  • Horário de início e término: Se morar em condomínio, siga as orientações do regimento interno; se não está em condomínio, nada de barulhos à noite ou cedo demais. Siga a legislação municipal.

Outro detalhe importante é você ter um bom planejamento, evitando problemas relacionados ao tempo da obra e ao orçamento para que possa concluir a reforma dentro do cronograma. É muito comum vermos obras embargadas por falta de cumprimento da legislação e acabam levando anos para serem liberadas. Muitas vezes, os custos com multas e taxas administrativas inviabilizam a conclusão da reforma. Não corra o risco de ter problemas com o seu projeto, contratando um profissional qualificado. Fale com a gente!

E aí, essas dicas foram úteis para você?

Avalie este conteúdo:
Como se preparar para entrar na reforma
Avalie esse serviço!