Como podemos lhe ajudar?  Pedreiro, Eletricista, Encanador, Pintor, Gesseiro, Marido de Aluguel e Manutenção Predial

Master House Manutenção e Reformas

Como escolher as melhores cores de tintas para a sua casa

Escolher cores para pintar casa
Como escolher as melhores cores de tintas para a sua casa
Avalie esse serviço!

Muito além do acabamento, a pintura da casa é uma amostra da personalidade dos seus moradores e um complemento para os seus cômodos, podendo variar conforme sua funcionalidade e determinar o estilo de decoração que cada parte deve receber. Antes de mais nada, porém, é interessante dar início ao processo de escolha com uma desmistificação: as cores dos interiores não dependem e não precisam necessariamente combinar com a fachada da construção.

A partir disso, o primeiro passo é considerar a visibilidade de um espaço para o outro, para que as cores de cada um não sejam conflitantes entre si. Também é importante que se tenha em mente quais superfícies receberão cada tinta, isso interfere no acabamento que deverá ser escolhido para cada área.

No caso de ambientes internos, principalmente, é vantajoso que se observe também a iluminação, porque as tonalidades podem parecer diferentes conforme suas variações ou escurecer demais o local se houver a combinação de luz fraca e cores escuras, por exemplo.

Escolhendo tintas para paredes internas

A todos esses fatores, soma-se a percepção humana das cores, o que faz com que cada cômodo deva ser combinado com as sensações que as tonalidades transmitem. Para tanto, vale pesquisar, ler sobre o assunto ou contar com o auxílio de um arquiteto ou designer de interiores, afinal, é importante evitar erros que possam comprometer a usabilidade dos espaços.

“As cores mais vibrantes e contrastantes são indicadas geralmente para pontuar uma única parede, ou alguns objetos, pois se usadas com exagero, podem até causar cansaço e irritação”, exemplifica a designer de interiores Luciana Vilanova, de Aracaju.

Com tantos detalhes a serem observados, é absolutamente normal que a escolha de cores provoque dúvidas, mas atenção a esses pontos e algumas dicas básicas podem te ajudar a ter uma casa mais aconchegante, bonita e funcional.

Colorindo exteriores

Fachada-externa-colorida

Um ponto a ser levado em consideração antes da escolha da tinta para a fachada da construção é a vizinhança. É desejável que sua casa se sobressaia e chame mais atenção do que as outras da rua? Ou é preferível manter a discrição e se camuflar entre os vizinhos?

As cores mais recomendadas por profissionais são também as mais clássicas, o que ajuda a evitar o trabalho de repintar fachadas para seguir tendências; por isso, tons mais neutros e claros acabam sendo os preferidos, em gamas de cinza, bege, azul e verde.

A melhor maneira de escolher o seu preferido é montando uma paleta de combinações — monocrômicas ou não — que possam ajudar a dar destaque a detalhes arquitetônicos ou pontos como portão, cerca, portas e janelas. Também é importante que o serviço seja realizado por um pintor altamente qualificado para realizar o serviço de pintura de fachada.

Por ser uma área que fica sujeita à intempéries, é preferível que a tinta seja acrílica, por ser mais fácil para limpar. Segundo a designer Luciana, o acabamento mais utilizado para exteriores é o acetinado, mas também há as opções foscas e de semibrilho. Já a arquiteta e consultora Graziella Aguiar, da Master House Construções e Reformas, de São Paulo, indica o material da marca Coral, do tipo Acrílico Total Premium +.

Colorindo salas

Pintura de interiores: sala colorida

Antes de começar a procurar pela cor ideal para as salas da sua casa, é importante definir os usos possíveis para cada uma delas. Para uma sala de estar, por exemplo, pode ser desejável criar um clima de aproximação e que deixe visitas confortáveis, já para uma sala de jantar, o ambiente pode tanto ser mais sofisticado quanto de descontração. É claro que os tons neutros caem bem para todas essas situações, mas optar por cores mais fortes pode dar um pouco mais de personalidade aos cômodos.

Tons terrosos são bem-vindos por transmitirem sensações como acolhimento e conexão pessoal, além de estimularem conversas. Também é interessante completar a decoração com elementos ou mesmo uma única perede em alguma cor mais vibrante, como o vermelho, que causa agitação, o amarelo, que proporciona sentimentos de felicidade, ou o laranjado, que dinamiza o ambiente.

Para salas pequenas, é importante escolher cores mais claras, que não carreguem tanto o espaço e dão impressão de amplitude. Na contramão, tons mais escuros parecem diminuir o local e podem tornar a permanência um pouco cansativa.

O tipo de acabamento mais recomendado para salas, segundo a arquiteta Graziella Aguiar, é o acetinado ou o Toque de Seda, da marca Suvinil.

Colorindo escritórios

Pintura e cores de escritório

Se um dos cômodos da casa for reservado a um escritório particular, é normal que o principal objetivo seja encontrar concentração e atingir a produtividade no ambiente. Nesse caso, é mais adequado optar por cores mais sóbrias, que não sejam distrativas nem provoquem agitação. Nesse caso em particular, a iluminação é extremamente importante, então é preciso ter cuidado para não escolher nenhuma cor que escureça a área.

Cores frias são muito bem-vindas nos escritórios. Os tons de verde são frescos e relaxantes, ajudando a manter o foco; os azuis, ao contrário, não são boas opções por estimularem o sono; já os tons de roxo e lavanda são ótimos para inspiração e imaginação, sendo, portanto, bons aliados para pessoas que trabalham com criação.

Para escritórios, o tipo de acabamento mais recomendável também é o acetinado ou Toque de Seda, da Suvinil, principalmente se o cômodo for acessível ao público ou tiver um grande tráfego de pessoas.

Colorindo quartos

Por se tratar de um cômodo mais íntimo, nos quartos, o gosto pessoal muitas vezes acaba falando mais alto. Contudo, por esse ser um ambiente que deve favorecer o relaxamento e o sono, é importante procurar deixar objetos ou detalhes da pintura de cores mais vibrantes mais afastados dos olhos.

Além dos tons de azul, que são ótimos para refrescar o ambiente e estimular o sono, outras cores mais leves são indicadas para quartos, como o branco, que transmite paz; ou pêssego, que demonstra delicadeza.

Além do acabamento acetinado recomendado por Graziella, a designer Luciana Vilanova ainda afirma que as tintas látex ou PVA, disponíveis apenas no tipo fosco, são indicadas para áreas secas e que dispensam manutenção constante.

Colorindo banheiros

A principal impressão que um banheiro deve passar é de limpeza. Embora o branco e tons off-white sejam a preferência para esse objetivo, hoje em dia também são bem-vindas cores claras que transmitam a sensação de frescor, como o verde, que é associado à natureza.

Para esse cômodo, Graziella indica que sejam utilizadas tintas epoxi à base de água, como as da linha Banheiros e Cozinhas, da Suvinil.

Colorindo cozinhas

Geralmente, a cozinha é uma parte da casa marcada por confraternizações, seja pelos almoços em família ou pelos cafés da tarde com pessoas mais próximas. Para acentuar esse clima, é interessante que o cômodo conte com cores mais alegres e vivas, pode ser que a pintura seja em tons off-white, como recomenda Graziella, e apenas pontuada por variações mais vibrantes, como a combinação entre vermelho e amarelo, que estimula a sensação de fome.

Assim como nos banheiros, é ideal que a tinta utilizada seja epoxi à base de água, como as da linha para Banheiros e Cozinhas, da Suvinil.

Marcas de tintas tradicionais e de boa qualidade

O mercado brasileiro conta com diversas marcas de tinta de boa qualidade, o que garante inovação, bom preço e segurança ao consumidor. Para fazer a escolha certa, Luciana Vilanova explica que é importante procurar por materiais que possuam boa cobertura de cor. Entre as marcas citadas pelas profissionais, destacam-se:

Cabe lembrar, porém, que independente da tinta a ser utilizada, é fundamental que a superfície esteja bem preparada, “porque não adiantará nada comprar o melhor produto se sua parede estiver comprometida com imperfeições”, enfatiza Luciana.

Inspirações para escolher as cores para o seu lar

Muitas são as possibilidades para deixar uma casa bonita e confortável com o complemento das cores. Depois das orientações das especialistas, o primeiro passo antes de pegar o pincel pode ser se inspirar, tarefa simples e que pode começar em poucos cliques.

 

Solicite já seu orçamento de pintura


Tags:

Recomendados para Você: